Terça-Feira, dia 26 de Março de 2019
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

últimas notícias

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Parlamentares vão ao STF para impedir suspensão de intervenção no RJ
19/02/18 - 12:19 
Por: Redação

 
Eles são contrários à reforma da Previdência e querem barrar votação, já que presença das Forças Armadas no estado fluminense impede quaisquer mudança na Constituição

 Desde que assinou o decreto de interdição federal no Rio de Janeiro, o presidente Michel Temer afirmou que pode suspendê-lo, caso o governo chegue aos votos necessários para aprovar da reforma da Previdência.

 
A lei diz que, caso o Congresso Nacional aprove a intervenção, ele fica impedido, pela Constituição Federal, de aprovar quaisquer propostas de emenda à constituição (PEC), caso das mudanças na Previdência, enquanto a medida vigorar. A votação ocorre na noite desta segunda-feira (19), a partir das 19 horas.
 
No entanto, para impedir que haja a cessão da intervenção, o deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) e o senador Paulo Paim (PT-RS) recorreram ao Supremo Tribunal Federal (STF).
 
Na ação, conforme o portal G1, os parlamentares também pedem a proibição de toda e qualquer tramitação, além de sessões destinadas à análise da proposta de emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência ou qualquer outra PEC enquanto existirem os motivos que resultaram no decreto de intervenção.
 
"Da mesma forma, permitir qualquer tramitação de projetos de emenda à Constituição enquanto perduram os motivos do desatino social e institucional é tão grave quanto a promulgação, haja vista que a condição de decisão, pensamento e discricionariedade estão comprometidas e podem criar embaraços perigosos para o futuro”, diz a ação.
 
Outras matérias
21/02/19 15:28 Governador cobra providências para retomada de duplicação da BR 163
21/02/19 16:49 Maluf é aprovado para a vaga de conselheiro do TCE
21/02/19 08:30 Maluf recebe 11 votos e é o candidato da ALMT à vaga de conselheiro
21/02/19 08:23 Prefeitura acusa Santa Casa de cobrar e não prestar R$ 24 mi em serviços
21/02/19 08:05 Da penitenciária à plantação de teca, recuperandos ganham nova chance em Água Boa
20/02/19 15:35 Incentivos fiscais serão revisados em força-tarefa
20/02/19 13:21 Lei obriga barragens de Mato Grosso instalar sistema de alarmes
20/02/19 10:24 Dilmar admite que pode recuar de disputa ao TCE se governador pedir
20/02/19 09:03 Perícia esclarece pontos de acidente que matou dois jovens
20/02/19 08:41 Prefeito faz críticas a Taques e Mendes em visita de deputados a hospital
20/02/19 08:18 4 deputados, um juiz e contador disputam vaga no TCE
20/02/19 07:55 Assembleia Legislativa discute alterações à Lei da Pesca
19/02/19 19:12 Governo negocia pagamento de dívida dolarizada visando reequilíbrio de contas
19/02/19 18:29 CGE aprofunda auditoria nos serviços de oncologia
19/02/19 17:46 Sema alerta para riscos de visitação ao Parque Serra de Ricardo Franco
19/02/19 17:12 Grupo majoritário insiste em nome de Max Russi para TCE
19/02/19 17:00 Governo abre diálogo para instalação de fábrica e busca novos investimentos para o Estado
20/02/18 10:20 Blairo Maggi deve recuar de disputa no Senado e deixar a política
20/02/18 09:50 Savi e Botelho são apontados como líderes de organização criminosa por delator
20/02/18 09:00 Ciro Gomes diz que não buscará apoio de Lula para eleição
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco