Terça-Feira, dia 26 de Março de 2019
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

últimas notícias

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Savi e Botelho são apontados como líderes de organização criminosa por delator
20/02/18 - 09:50 
Por: Gazeta Digital

 

 O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) Eduardo Botelho e o deputado estadual Mauro Savi (ambos do PSB) são apontados como líderes da organização criminosa que funcionava no Departamento Estadual de Trânsito (Detran), conforme consta no pedido de prisões temporárias, e de buscas e apreensões formulado pelo Ministério Público Estadual (MPE), no âmbito da operação Bereré.

 
A afirmação foi feita com base na delação premiada do ex-presidente da autarquia entre 2007 e 2013, Teodoro Moreira Lopes, o “Dóia”. Conforme adiantado pelo Gazeta Digital, o acordo de colaboração está homologado desde setembro de 2016 e vinha sendo negociado desde o final de 2015.
 
Na delação de Dóia, ele relata que Savi e Botelho eram os destinatários finais das propinas pagas e que Botelho também era um dos atravessadores pelos quais o dinheiro chegava até o colega parlamentar.
 
De acordo com o Ministério Público Estadual (MPE), o repasse de propina era realizado por meio de pagamentos por parte da FDL Serviços de Registro, Cadastro, Informatização e Certificação de Documentos Ltda. a diversas empresas de fachada, muitas delas ligadas a “laranjas”, assessores de deputados estaduais, dentre outros particulares. A FDL é a concessionária que detém o serviço de registro de gravame junto ao Detran. Para conseguir contratar tantas empresas “fantasmas”, o Detran e a FDL fizeram sucessivas alterações no contrato.
 
Outro lado
 
Procurados pelo Gazeta Digital, Mauro Savi e Eduardo Botelho, por meio de assessoria de imprensa, afirmaram que somente se manifestarão sobre o caso em coletiva de imprensa a ser realizada na terça-feira (20).
 
Teodoro Lopes falou com a reportagem por telefone, mas evitou dar declarações sobre sua delação, se limitando a dizer que falará sobre o caso no momento oportuno e que, desde que deixou o Detran, nunca mais teve contato com os políticos investigados.  
 
 
 
 
Outras matérias
21/02/19 15:28 Governador cobra providências para retomada de duplicação da BR 163
21/02/19 16:49 Maluf é aprovado para a vaga de conselheiro do TCE
21/02/19 08:30 Maluf recebe 11 votos e é o candidato da ALMT à vaga de conselheiro
21/02/19 08:23 Prefeitura acusa Santa Casa de cobrar e não prestar R$ 24 mi em serviços
21/02/19 08:05 Da penitenciária à plantação de teca, recuperandos ganham nova chance em Água Boa
20/02/19 15:35 Incentivos fiscais serão revisados em força-tarefa
20/02/19 13:21 Lei obriga barragens de Mato Grosso instalar sistema de alarmes
20/02/19 10:24 Dilmar admite que pode recuar de disputa ao TCE se governador pedir
20/02/19 09:03 Perícia esclarece pontos de acidente que matou dois jovens
20/02/19 08:41 Prefeito faz críticas a Taques e Mendes em visita de deputados a hospital
20/02/19 08:18 4 deputados, um juiz e contador disputam vaga no TCE
20/02/19 07:55 Assembleia Legislativa discute alterações à Lei da Pesca
19/02/19 19:12 Governo negocia pagamento de dívida dolarizada visando reequilíbrio de contas
19/02/19 18:29 CGE aprofunda auditoria nos serviços de oncologia
19/02/19 17:46 Sema alerta para riscos de visitação ao Parque Serra de Ricardo Franco
19/02/19 17:12 Grupo majoritário insiste em nome de Max Russi para TCE
19/02/19 17:00 Governo abre diálogo para instalação de fábrica e busca novos investimentos para o Estado
20/02/18 10:20 Blairo Maggi deve recuar de disputa no Senado e deixar a política
20/02/18 09:00 Ciro Gomes diz que não buscará apoio de Lula para eleição
20/02/18 08:20 Defesa questiona STF sobre data para julgamento de recurso de Lula
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco