Sábado, dia 16 de Dezembro de 2017
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

brasil

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Mais um secretário de Taques envolvido em escândalo
02/10/17 - 09:56 
Por: Redação

 

 O governo Pedro Taques começa enfrentar seu período crítico. Há praticamente um ano das eleições de 2018, Taques já amarga um governo com vários secretários e agentes envolvidos com escândalos, como o dos grampos ilegais, da suspeita de caixa 2 na Secretaria de Educação e, agora, com o afastamento do titular do Gabinete da Comunicação, jornalista Kleber Lima, por denúncia de ‘assédio sexual e moral’.

 
Não bastasse, agora o Relatório da Polícia Federal, no contexto da Operação Malebolge, em mensagens de 2015, pegou o empresário Celson Bezerra, do ramo de factoring em Cuiabá, cobrando insistentemente ao também empresário Carlos Avalone Júnior, atual secretário de Desenvolvimento Econômico do governo Taques, o pagamento do valor de um cheque sem fundos que teria sido para pagamento de propina.
 
Bezerra também cobrou o ex-governador Silval Barbosa (PMDB) para que o ajudasse a receber os valores de Avalone, que é sócio da Três Irmãos Engenharia. As mensagens foram obtidas através de perícia no celular de Celson Bezerra, que é investigado na operação.
 
A Malebolge, 12ª fase da Operação Ararath, foi deflagrada no último dia 14 e teve como base a delação do ex-governador Silval e de seus familiares. A briga pelo recebimento do dinheiro, conforme a delação de Silval, teria origem na suposta propina paga pela Três Irmãos Engenharia, a título de “retorno” pela contratação da empresa para a execução de obras do programa de pavimentação de rodovias “MT Integrado”.
 
Silval contou que a Três Irmãos Engenharia entregou, de R$ 800 mil a R$ 2 milhões em cheques, como propina referentes às obras dos contratos firmados com a Secretaria de Infraestrutura e o “Programa de Obras Petrobras. Os pagamentos foram realizados pelos proprietários Carlos Avalone [suplente de deputado estadual e atual secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico] e seu irmão Marcelo Avalone”, disse.
 
O ex-governador afirmou que repassou esses cheques ao empresário Valdir Piran, do ramo de factoring, “no intuito de pagar uma dívida. “Vários desses cheques retornaram sem fundos, tendo Valdir Piran devolvido para mim. Eu acabei repassando parte desses cheques para Celson Bezerra, que disse ter 'facilidade em receber dos irmãos Avalone'”, contou Silval, na delação.
 
Segundo o ex-governador, os cheques foram repassados a Celson Bezerra a pedido do ex-secretário Eder Moraes. Isso porque Silval e o ex-governador e atual ministro da Agricultura, Blairo Maggi (PP), haviam se comprometido a pagar R$ 3 milhões cada um para Eder se retratar dos depoimentos que os incriminavam nas investigações da Operação Ararath.
 
 
 
 
Outras matérias
13/12/17 15:36 Congresso proíbe autofinanciamento de campanha
09/10/17 10:10 'Estilo Cármen Lúcia' de Dodge preocupa procuradores
24/09/17 12:23 Moro nega liberação de R$ 1,6 mi a Palocci
17/09/17 17:17 Se Congresso não acabar com coligações, Justiça o fará, alerta deputada
17/09/17 16:35 Governo quer usar CPI da JBS para mudar lei das delações
16/09/17 11:23 Funaro confirma pagamento de propina da JBS a Silval
16/09/17 10:39 Riva admite mais de R$ 100 mi em propinas, diz Veja
11/09/17 20:11 Senador de MT convoca Joesley e Janot para se explicarem no Congresso
11/09/17 15:00 Impeachment de Gilmar Mendes tem o apoio de quase um milhão em petição virtual
11/09/17 13:08 Futuro da delação da JBS pode ficar nas mãos de Raquel Dodge
11/09/17 11:49 Joesley diz que só entrega novas fitas caso acordo se mantenha
06/09/17 10:20 Gilmar Mendes diz que Mato Grosso vive desordem institucional
12/08/17 13:30 Temer diz que é 'ousado' ao fazer reforma trabalhista
19/06/17 13:22 Crivella diz que vai manter cortes para escolas de samba
19/06/17 09:59 "Aécio foi a maior decepção que tive", diz Ciro Gomes
19/06/17 09:00 Fachin aceita pedido da defesa de Lula
19/06/17 08:25 Recluso, Aécio Neves teme prisão
19/06/17 07:23 Aliados de Temer têm dossiê que pede anulação de delação da JBS
19/06/17 06:16 Cunha avalia cenários com ou sem Janot no cargo para fechar delação
17/06/17 09:20 TJ mantém optometrista proibido de trabalhar
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco