Quinta-Feira, dia 25 de Abril de 2019
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

cidades

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Questão do VLT não tem solução simples, afirma Mendes
16/04/19 - 11:23 
Por: Gazeta Digital

 

 Com a volta das cobranças sobre um posicionamento do novo governo sobre o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), o governador Mauro Mendes (DEM) retomou o discurso de que pediu um ano para analisar o assunto, pois “não é uma solução simples”.

 
Em entrevista nesta segunda-feira (15) ao Jornal do Meio Dia, Mendes não deixou de lado o discurso de crise e que outras pautas são prioridades do governo do Estado, como já vem fazendo desde que assumiu o cargo de governador.
 
“Nós pedimos durante o período eleitoral um prazo até um ano para estudarmos com profundidade este assunto. Não é uma solução simples. Mato Grosso precisa de quase R$ 1 bilhão para terminar essa obra”, explica o governador.
 
Mendes relembrou os processos que tramitam sobre o cancelamento do contrato com a empresa e disse que pelas discussões realizadas com o jurídico do governo pode haver a troca do modal de transporte público. “Já estamos fazendo reunião e nesse sentindo nós iremos apresentar uma solução para este problema e uma dessas alternativas é converter para um outro modal, outra solução que possa ser mais barata, menos custosa”.
 
O custo da passagem seria mais um dos pontos negativos do VLT, além do valor necessário para a finalização da obra. Segundo o governador, estudos preliminares mostraram que para “manter a tarifa atual de ônibus hoje em Cuiabá, no VLT, uma única tarifa, além do cidadão pagar R$ 3, 85, o Estado teria desembolsar em torno de R$ 70 milhões por ano como subsidio para este transporte coletivo”.
 
Mendes enfatizou que na atual situação financeira do Estado não há condições de fornecer esse subsídio. “Hoje o governo do Estado não tem dinheiro para pagar os fornecedores de remédio. Não tem dinheiro para fazer manutenção nas escolas. Não tem dinheiro para uma série de outras coisas aí importantes. Como vou inventar que tem dinheiro para uma despesa nova para fazer um subsidio para um transporte coletivo da cidade de Cuiabá?”
 
Outras cidades que teriam tentado fazer esse subsídio não estão conseguindo arcar com os custos. “Nós temos visto que lá no Rio de Janeiro, o VLT está correndo o risco de fechar porque a Prefeitura não está aguentando o subsídio e porque está faltando passageiro no VLT do Rio de Janeiro. Imagine aqui em Cuiabá?”, comentou o governador.
 
Entre as prioridades que Mendes elenca no setor de infraestrutura de transportes estão as obras paralisadas. “Nós temos hoje quase 500 obras paralisadas em todo Estado de Mato Grosso, por falta de pagamento. Temos obras de rodovias e nós teremos que adotar algumas prioridades e no momento certo”.
 
 
Outras matérias
15/04/19 09:56 Governo paga segunda parcela do salário de março nesta segunda (15)
14/04/19 12:41 Jornalistas vivenciam atividades práticas do Corpo de Bombeiros
21/02/19 08:23 Prefeitura acusa Santa Casa de cobrar e não prestar R$ 24 mi em serviços
20/02/19 13:21 Lei obriga barragens de Mato Grosso instalar sistema de alarmes
20/02/19 07:55 Assembleia Legislativa discute alterações à Lei da Pesca
19/02/19 18:29 CGE aprofunda auditoria nos serviços de oncologia
19/02/19 17:46 Sema alerta para riscos de visitação ao Parque Serra de Ricardo Franco
19/02/19 17:00 Governo abre diálogo para instalação de fábrica e busca novos investimentos para o Estado
13/02/18 11:00 Emanuel Pinheiro negocia para levar 'Cuiabá 300 anos' para Sapucaí
12/02/18 08:00 Liminar proíbe que empresas suspendam serviços em unidades de saúde
09/10/17 10:00 A pedido do MP, Justiça proíbe tráfego de caminhões na estrada de Chapada
17/09/17 19:17 Candidatos elogiam organização e caráter inovador de concurso
11/09/17 11:36 Indea-MT realiza operação inédita na região de fronteira com a Bolívia
28/08/17 12:13 UFMT abre concurso para 52 vagas de técnicos administrativos em educação
28/08/17 10:56 Data de prova para cargo de Técnico Administrativo é alterada
14/08/17 12:10 Chuva eleva umidade do ar para 94% em Cuiabá
11/08/17 20:00 Após 8 dias, incêndio em parque estadual é extinto
19/05/17 13:40 Secretário Marcelo Duarte vistoria duplicação da Estrada da Guia
12/05/17 18:12 Cuiabá recebe nota máxima por gestão transparente
12/05/17 15:46 Duplicação da estrada da Guia está co ritmo intenso
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco