Segunda-Feira, dia 16 de Julho de 2018
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

cidades

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Liminar proíbe que empresas suspendam serviços em unidades de saúde
12/02/18 - 08:00 
Por: Assessoria

 

 A Prefeitura de Cuiabá conseguiu liminar favorável que coíbe as empresas prestadoras de serviços e de produtos ao Hospital e Pronto-Socorro Municipal (HPSMC) e outras unidades de saúde da Capital de paralisarem as atividades. A ação, impetrada pela Procuradoria Geral do Município (PGM), mediante ameaças de interrupção desses serviços, teve o intuito preventivo de resguardar os diretos da população de receber os atendimentos essenciais e indispensáveis, que - caso suspensos -, ocasionaria a violação do direto constitucional à vida e à dignidade humana.

 
Conforme a Tutela de Urgência concedida na última sexta-feira (9), pelo juiz Agamenon Alcântara Moreno Júnior, da 3ª Vara de Fazenda Pública de Cuiabá, fica determinado que as 19 empresas prestadoras de serviços e de produtos se abstenham de paralisar o fornecimento de produtos e a prestação dos serviços à requerente, independentemente da unidade de saúde atendida em Cuiabá, sob pena de multa diária no valor de R$ 10 mil.
 
Segundo o procurador-geral do Município, Nestor Fidélis, as ameaças foram feitas sob o argumento de atrasos nos pagamentos, superior há 90 dias. Nestor explica que esses pagamentos foram efetuados em janeiro e não constam registros de jdébitos em atrasos, deste período, com as empresas citadas nos autos.
 
“Apesar das dificuldades o Município, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, vem envidando todos os esforços para regularizar os pagamentos. Realmente, alguns desses pagamentos estavam atrasados há mais de 90 dias, porém desde janeiro parte da situação foi regularizada e, atualmente, nenhum dos fornecedores relacionados possui valores atrasados dentro deste período,” esclarece Fidélis.
 
O procurador reitera que, mesmo diante da regularização, as Requeridas, aproveitando-se do início do carnaval, estavam ainda ameaçando paralisar os serviços nas unidades de saúde. Seguindo a mesma alegação, outras empresas, vislumbrando o fim da vigência destes contratos, também começaram a pressionar o Município, com intuito de prorrogarem os prazos contratuais, usando-se do argumento dos atrasos, que insiste-se, não superam 90 dias, para obter estas vantagens.
 
"Assim, o prefeito Emanuel Pinheiro buscou o amparo do Poder Judiciário para que os serviços contínuos e essenciais continuem a ser prestados, com vistas à supremacia do interesse da população cuiabana, garantido a equalização da inclusão e dignidade a todos, “ elucida Nestor.
 
De acordo com a secretária de Saúde, Elizeth Araújo, a paralisação destes serviços atingiria atividades fins das unidades de saúde, “afetando diretamente a realização de cirurgias com risco de morte e procedimentos traumáticos decorrentes de acidentes de veículos, lesões de armas de fogo, entre outros,” explica a secretária.
Outras matérias
13/02/18 11:00 Emanuel Pinheiro negocia para levar 'Cuiabá 300 anos' para Sapucaí
09/10/17 10:00 A pedido do MP, Justiça proíbe tráfego de caminhões na estrada de Chapada
17/09/17 19:17 Candidatos elogiam organização e caráter inovador de concurso
11/09/17 11:36 Indea-MT realiza operação inédita na região de fronteira com a Bolívia
28/08/17 12:13 UFMT abre concurso para 52 vagas de técnicos administrativos em educação
28/08/17 10:56 Data de prova para cargo de Técnico Administrativo é alterada
14/08/17 12:10 Chuva eleva umidade do ar para 94% em Cuiabá
11/08/17 20:00 Após 8 dias, incêndio em parque estadual é extinto
19/05/17 13:40 Secretário Marcelo Duarte vistoria duplicação da Estrada da Guia
12/05/17 18:12 Cuiabá recebe nota máxima por gestão transparente
12/05/17 15:46 Duplicação da estrada da Guia está co ritmo intenso
12/05/17 12:34 Fundador da Gol, Nenê Constantino é condenado a 16 anos por homicídio no DF
12/05/17 08:56 Taques participa de plantio de muda em ato simbólico no Paiaguás
12/05/17 07:48 VoltarAeroporto Marechal Rondon tem maior evolução do país, segundo passageiros
11/05/17 20:05 MPF apura dano ao consumidor após operadoras de TV "desligarem" canais abertos
25/04/17 19:00 Caravana atende 800 pessoas no primeiro dia
25/04/17 16:49 Casa Civil realiza reunião em busca de solução para esgoto na Lagoa Paiaguás
25/04/17 14:32 Governo obtém avanços para destravar pavimentação da BR-174
25/04/17 12:58 Justiça destina R$ 695 mil apreendidos para reforma de hospital em Cuiabá
25/04/17 12:04 Em cinco dias, forças de Segurança apreendem mais de 1 tonelada de droga em MT
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco