Terça-Feira, dia 31 de Março de 2020
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

cidades

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Proposta do Governo não modifica imposto sobre itens da cesta básica
03/07/19 - 10:10 
Por: Redação

A única exceção fica para a carne, cuja isenção na comercialização interna não é repassada ao consumidor mato-grossense

 Com exceção da carne (bovina, suína e de aves), não haverá modificações na cesta básica do mato-grossense, de acordo com a mensagem número 114, de 27 de junho, que trata da reinstituição de incentivos fiscais, enviada pelo Governo do Estado para apreciação da Assembleia Legislativa.

 
Segundo informações da Procuradoria Geral do Estado, boa parte dos produtos que compõem a cesta básica é isenta de Impostos sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), seja por definição do Governo Federal, seja por ter benefícios fiscais instituídos pelo Estado ou por convênios determinados pelo Conselho dos Secretários Estaduais de Fazenda (Confaz).
 
Os produtos da cesta básica, segundo o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), são carne, leite, feijão, arroz, farinha, batata, legumes (tomate), pão francês, café em pó, frutas (banana), açúcar, banha/óleo e manteiga.
 
Durante a formulação da proposta, umas das preocupações do governo foi não onerar ainda mais os menos favorecidos.
 
No caso do comércio varejista, por exemplo, os optantes pelo simples nacional deixarão de pagar o ICMS antecipadamente e passarão a fazê-lo somente após as vendas, a uma alíquota variando entre 1,3% a 3,9% sobre o faturamento.
 
Já o comércio atacadista, o que inclui os atacarejos, passarão a ser tributado pelo Regime Nacional de Apuração do ICMS, o que significa uma redução de 12% na base de cálculo nas operações realizadas dentro do Estado.
 
O projeto enviado pelo Governo busca eliminar a guerra fiscal entre os estados e garantir segurança jurídica àqueles benefícios que foram concedidos sem autorização do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) no passado.
 
No projeto, de acordo com o texto, haverá redução dos incentivos e uma perspectiva de incremento na receita pública com alterações nas alíquotas do ICMS. Não haverá aumento de incentivos fiscais, nem novo incentivo fiscal.
 
Outras matérias
11/09/17 11:36 Indea-MT realiza operação inédita na região de fronteira com a Bolívia
28/08/17 12:13 UFMT abre concurso para 52 vagas de técnicos administrativos em educação
28/08/17 10:56 Data de prova para cargo de Técnico Administrativo é alterada
14/08/17 12:10 Chuva eleva umidade do ar para 94% em Cuiabá
11/08/17 20:00 Após 8 dias, incêndio em parque estadual é extinto
19/05/17 13:40 Secretário Marcelo Duarte vistoria duplicação da Estrada da Guia
12/05/17 18:12 Cuiabá recebe nota máxima por gestão transparente
12/05/17 15:46 Duplicação da estrada da Guia está co ritmo intenso
12/05/17 12:34 Fundador da Gol, Nenê Constantino é condenado a 16 anos por homicídio no DF
12/05/17 08:56 Taques participa de plantio de muda em ato simbólico no Paiaguás
12/05/17 07:48 VoltarAeroporto Marechal Rondon tem maior evolução do país, segundo passageiros
11/05/17 20:05 MPF apura dano ao consumidor após operadoras de TV "desligarem" canais abertos
25/04/17 19:00 Caravana atende 800 pessoas no primeiro dia
25/04/17 16:49 Casa Civil realiza reunião em busca de solução para esgoto na Lagoa Paiaguás
25/04/17 14:32 Governo obtém avanços para destravar pavimentação da BR-174
25/04/17 12:58 Justiça destina R$ 695 mil apreendidos para reforma de hospital em Cuiabá
25/04/17 12:04 Em cinco dias, forças de Segurança apreendem mais de 1 tonelada de droga em MT
25/04/17 10:50 Governo revitaliza vias que servirão como desvios das obras da nova trincheira
25/04/17 08:30 Polícia tem pista de pistoleiro de chacina em MT
17/04/17 10:20 Pela sétima vez, Secid prorroga prazo de entrega da Estrada do Moinho
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco