Terça-Feira, dia 25 de Fevereiro de 2020
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

cidades

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
Sefaz autua transportadoras por sonegação fiscal
03/07/19 - 11:01 
Por: Redação

Ação realizada no último final de semana resultou em 185 autuações e mais de R$ 500 mil de ICMS sonegado

 A Secretaria de Fazenda (Sefaz) realizou na última semana a Operação Sinal Vermelho, com objetivo de coibir a sonegação fiscal no segmento de transporte. Cinco transportadoras tiveram a inscrição estadual suspensa e uma foi cassada, por emitirem Conhecimentos de Transporte (CTe) inidôneos ou regulares. O valor somado do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviço (ICMS) sonegado e multas aplicadas atingiu o montante de R$ 576.147,26.

 
De acordo com a unidade de inteligência da Sefaz, a ação foi desencadeada a partir de informes do monitoramento das transportadoras, realizado pela equipe Fiscalização Eletrônica de Trânsito. Com isso, foi feita a investigação da situação dos transportadores e verificado que se tratavam de empresas de fachada, constituídas por sócios laranja, com o único intuito de emitir conhecimentos de transporte (CTe) para acobertar operações de terceiros.
 
Após a investigação, cinco transportadoras tiveram a inscrição estadual suspensa e uma foi cassada, por emissão de documentação inidôneos ou irregulares. Ainda foi constatado que as empresas não possuíam alvará municipal e declaravam endereços inexistentes.
 
Também foram realizadas 185 autuações de trânsito (TAD) pelas prestações de serviço de transporte utilizando documento inidôneos ou irregulares emitidos. O valor somado do ICMS sonegado e multas aplicadas atingiu R$ 576.147,26. Praticamente todos os autos já foram quitados.
 
“Utilizando a agilidade proporcionada pela REDESIM, as empresas obtiveram inscrição estadual e, logo em seguida, medidas judiciais que garantiam a postergação do momento do recolhimento do ICMS para o mês posterior à operação. A partir daí, transformavam-se em máquina de gerar CTes para acobertar irregularmente operações reais – acumulando débitos milionários de imposto”, explica Rafael Vieira, chefe da Unidade de Inteligência Fiscal e Monitoramento da Sefaz.
 
De acordo com ele, em um caso, em apenas um dia uma das empresas emitiu 241 CTes, entre às 07h e as 23h. Isso corresponde a emissão de um Conhecimento de Transporte (CTe) a cada quatro minutos – o que é incompatível com o movimento das maiores transportadoras do país. Na situação exemplificada, a transportadora de fachada passou a ser utilizada após a cassação da inscrição de outra empresa.
 
Próximos passos
 
Dando continuidade a Operação Sinal Vermelho, as empresas suspensas passarão pelo procedimento de cassação da inscrição estadual e os documentos fiscais emitidos serão declarados, oficialmente, inidôneos. Em seguida, todas as operações ainda não autuadas pela fiscalização da Sefaz serão encaminhadas para constituição do débitos referentes ao ICMS devido e não recolhido.
 
Além disso, a unidade de inteligência da Sefaz vai encaminhar as informações para a Delegacia Fazendária (Defaz) para investigação da fraude fiscal estruturada, que mantém esse esquema criminoso, e subsidiar o processo de persecução penal.
 
A Sefaz ressalta que a fiscalização continuará monitorando de forma intensiva as operações anormais e novas empresas que possam surgir com o mesmo intuito.
Outras matérias
08/08/19 17:34 Governo repassa mais de R$ 9 milhões para saúde nos municípios
07/08/19 18:35 Sinfra fará licitação emergencial para reparar balsa do Rio Xingu
07/08/19 17:05 Educação é alicerce no combate à violência doméstica
07/08/19 15:36 Lei já salvou muitas vidas, enfatiza desembargadora Maria Erotides
03/07/19 18:20 Projeto de suspensão da pesca por 5 anos causa polêmica
03/07/19 10:10 Proposta do Governo não modifica imposto sobre itens da cesta básica
01/05/19 10:24 Delegacia Virtual registra quase 100 mil ocorrências de extravio de documentos
16/04/19 11:23 Questão do VLT não tem solução simples, afirma Mendes
15/04/19 09:56 Governo paga segunda parcela do salário de março nesta segunda (15)
14/04/19 12:41 Jornalistas vivenciam atividades práticas do Corpo de Bombeiros
21/02/19 08:23 Prefeitura acusa Santa Casa de cobrar e não prestar R$ 24 mi em serviços
20/02/19 13:21 Lei obriga barragens de Mato Grosso instalar sistema de alarmes
20/02/19 07:55 Assembleia Legislativa discute alterações à Lei da Pesca
19/02/19 18:29 CGE aprofunda auditoria nos serviços de oncologia
19/02/19 17:46 Sema alerta para riscos de visitação ao Parque Serra de Ricardo Franco
19/02/19 17:00 Governo abre diálogo para instalação de fábrica e busca novos investimentos para o Estado
13/02/18 11:00 Emanuel Pinheiro negocia para levar 'Cuiabá 300 anos' para Sapucaí
12/02/18 08:00 Liminar proíbe que empresas suspendam serviços em unidades de saúde
09/10/17 10:00 A pedido do MP, Justiça proíbe tráfego de caminhões na estrada de Chapada
17/09/17 19:17 Candidatos elogiam organização e caráter inovador de concurso
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco