Quarta-Feira, dia 22 de Maio de 2019
Últimas Notícias
Política
Brasil
Economia
Cidades
Internacional
Esporte
Judiciário
Polícia
 
Galeria de Fotos
Galeria de Vídeos
Agenda de Eventos
Canal do Internauta
Artigos
 
Envie sua Matéria
Fale Conosco
 

 

economia

Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
PGE vai ao STF para que União seja impedida de penalizar MT
13/09/16 - 07:50 
Por: Redação
Fonte: GCom/MT

 

 A Procuradoria Geral do Estado (PGE-MT) ingressou com pedido no Supremo Tribunal Federal (STF) para que a União seja impedida de realizar bloqueio de bens do Estado e inscrição nos cadastros negativos pelo não pagamento da parcela da dívida dolarizada, que venceu na última sexta-feira (09.09).

 
O Governo de Mato Grosso não efetivou o pagamento em obediência a decisão da Justiça Estadual que acatou o pedido do Ministério Público Estadual (MPE) de proibir a quitação da parcela. O MPE investiga os indícios de ilegalidades na celebração do contrato.
 
No STF, o Estado busca que a União, que é a garantidora do empréstimo, não faça o pagamento da parcela e nem acione as contragarantias previstas no contrato. Sem isso, a União poderia fazer o bloqueio das contas do Estado ou mesmo repasses constitucionais, como o Fundo de Participação dos Estados (FPE).
 
Na ação, a PGE lembra que o Estado vem cumprindo com todas as obrigações contratuais do empréstimo de US$ 478.958.330,51 contraído com o Bank of America, em setembro de 2012. O empréstimo prevê o pagamento em 18 parcelas semestrais. A parcela de setembro, que não foi paga atendendo ao pedido da Justiça, é de R$ 32.837.524,06.
 
“Nota-se, portanto, que a imposição judicial do inadimplemento de uma das parcelas do contrato importará severas restrições financeiras ao Estado de Mato Grosso, o qual sofrerá retenções de sua receita tributária própria e das receitas derivadas, inclusive do fundo de participação dos estados”, diz trecho do pedido ao STF.  
 
A investigação do MPE sobre possíveis ilegalidades no empréstimo surgiu porque não houve manifestação das áreas técnicas responsáveis da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz). Além disso, a escolha e a definição da operação de negociação da dívida não foi materializada em processo administrativo oriundo da própria Sefaz.
 
Também é alvo de investigação o fato da competência para a negociação ter sido atribuída à Secretaria Adjunta do Tesouro Estadual e o fato do Bank of America ter feito a cessão do crédito ao Banco Votorantim S/A, sem a devida comunicação ao Governo de Mato Grosso.
 
A decisão da Justiça Estadual, que suspendeu o pagamento, foi proferida na última sexta-feira, em resposta ao Mandado de Segurança Preventivo de número 1001693-63.2016.11.0000. A ação é de autoria do MPE, em face do governador do Estado de Mato Grosso e do secretário de Estado de Fazenda.
 
Outras matérias
19/05/19 08:00 Previsões para o crescimento da economia estão cada vez menores
18/05/19 12:16 Anatel anuncia medidas para banda larga mais acessível
18/05/19 10:38 Guedes: 'Se é para a Caixa dar lucro, privatiza logo'
04/05/19 07:31 STF derruba decisão do TCU que obriga DF a devolver R$ 10 bi à União
03/05/19 14:16 Bancos divergem sobre economia que virá com reforma da Previdência
03/05/19 09:40 Inflação ao consumidor sobe 1,7% na preliminar de abril
03/05/19 07:12 Bolsonaro sanciona lei que muda relação entre BC e Tesouro
02/05/19 12:23 'Efeito Avianca' faz preço de passagem aérea subir até 140%
01/05/19 08:00 Falta trabalho para montante recorde de 28,3 milhões no País
30/04/19 15:08 Paulo Guedes aceita 'dar' a Estados 20% do pré-sal
30/04/19 12:12 Petrobras reajusta gasolina em 3,5%
20/02/19 15:35 Incentivos fiscais serão revisados em força-tarefa
20/09/17 10:42 Dono de frigorífico grava irmãos Batista em MT
19/06/17 14:09 Reformas mostram resultados positivos, diz presidente do Banco Central
19/06/17 13:36 Trabalhadores têm até 30 de junho para sacar o abono salarial de 2015
19/06/17 10:19 Procuradoria regulamenta MP que parcela débitos previdenciários
19/06/17 09:13 Mercado financeiro reduz projeção para inflação e PIB
19/05/17 19:30 Mato Grosso será pioneiro em produção de etanol de milho
11/05/17 19:39 Petrobras tem lucro de R$ 4,4 bilhões no primeiro trimestre
23/03/17 18:00 Governo lançará programas para alavancar o setor mineral
Cadastre seu e-mail:
BR Informe é um portal independente de notícias.
Expediente | Seja um Colaborador | Fale Conosco