InfoJud 728x90

Cuca rasga elogios ao Santos, mas admite preocupação com questão física

Por Redação em 17/01/2021 às 19:58:36

Cuca gostou do que viu neste domingo. Para o técnico do Santos, sua equipe fez “uma etapa bem jogada e outra muito bem jogada” para superar o Botafogo, na Vila Belmiro.

Cuca também defendeu Laércio, zagueiro que cometeu o pênalti que refletiu o gol dos cariocas.

“O cara descobriu um espaço, você não pode culpar o zagueiro. Além do atacante ser sempre mais rápido e já estar lançado. Então, o erro foi na origem da jogada, não só no final dela”.

Na entrevista coletiva, o técnico santista falou também sobre Pituca e Veríssimo, que ficarão muito por conta do seu trabalho de convencimento e elogiou o atacante Bruno Marques.

A final da Copa Libertadores, porém, não deixou de ser pauta. E a preocupação é com o condicionamento físico dos atletas até o dia 30 de janeiro.

“Não vou abrir aqui o que eu vou fazer, mas certamente que estou fazendo o máximo possível de correção para que a gente tenha uma chance de chegar lá no dia 30 na melhor condição física e técnica”.

Veja outros trechos da entrevista de Cuca:

Análise
“Partida que a gente sabia que íamos ter dificuldade. O Botafogo, apesar de estar embaixo na tabela, não tem jogador mal. Hoje, um fortíssimo calor aqui, nós com o desgaste da partida de quarta-feira, levamos o que podíamos, só tiramos machucados e suspensos. Fizemos um primeiro tempo mais equilibrado e um ótimo segundo tempo, quando criamos muitas oportunidades, até que uma hora a bola acabou entrando. Acredito que tenha sido um placar justo, uma etapa bem jogada e outra muito bem jogada”.

Desgaste físico até a final
“Não vou abrir aqui o que eu vou fazer, mas certamente que estou fazendo o máximo possível de correção para que a gente tenha uma chance de chegar lá no dia 30 na melhor condição física e técnica. Temos de saber fazer tudo direitinho, tirar um pé do acelerador e tirar aquele que não tiver a melhor oportunidade de jogar”.

Perda de bola no gol do Botafogo
“Não foi um contra-ataque, foi uma jogada criada, o cara descobriu um espaço, você não pode culpar o zagueiro. Além do atacante ser sempre mais rápido e já estar lançado. Então, o erro foi na origem da jogada, não só no final dela. O pessoal do Botafogo reclama que o pênalti teria de ser seguido de um novo cartão amarelo, eu também reclamaria, mas a nova regra fala que o clube não pode ser duas vezes punido, ou é o cartão ou é a penalidade. Se fosse a regra de antigamente, ele teria de tomar o segundo cartão”.

Trabalho para segurar Pituca e Verissimo
“Trabalho de chamar o jogador, falar da importância que tem o campeonato para nós, para eles, um tempo curto, depois eles vão seguir a vida deles. A gente tem de entender todos os contextos, jogar aberto, como a gente sempre fez. Tomara que a gente possa ter êxito com eles até o final do campeonato e que eles sigam a carreira deles, com uma independência financeira, porque nós sabemos que indo para a Europa o cara vai ter oportunidade de guardar aquele dinheiro para depois. Porque, nós, que vivemos da bola, a gente não estuda. Não é porque não tem tempo, é porque não tem muita vontade mesmo. Eles vão ganhar o dinheiro e vão carregar um fardo. Se eles não tiverem um plano de vida, o dinheiro acaba. Pior coisa que tem pra gente é ver ex-atletas ídolos, passando necessidade”.

Espaço após abrir o placar
“Não vi assim. A gente continuou jogando igual e o adversário também buscou o ataque. Só olhar quantas finalizações tivemos e quantas eles tiveram.

Soteldo
“Está evoluindo muito, teve covid, fomos colocando aos poucos e ele melhorou bastante fisicamente, e a ainda pode melhorar, é muito bom jogador”.

Bruno
“É um jogador com uma característica diferente. Estávamos pressionando o Botafogo, muitos escanteios e a gente sentiu que faltava um cabeceio, vimos que esse ia ser o caminho. Quando a gente o lançou ele no jogo, foi com essa pretensão. Na primeira, o goleiro fez a defesa e na segunda pôde fazer o gol, igual tinha feito aqui com o Sport. A gente fica muito feliz por um jovem sair do banco e ser um dos responsáveis direto pela nossa vitória”.

Fonte: Gazeta Esportiva

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90
Coronavirus 728x90