AL- Vacina que volta

Heinze chama de 'absurdo' indiciamento em relatório da CPI da Covid

Por Redação em 26/10/2021 às 17:21:34

Relator da comiss√£o aceitou sugest√£o de senador para incluir ga√ļcho entre os 81 indiciados. Luis Carlos Heinze (PP-RS) defendeu tratamentos ineficazes para pacientes com coronav√≠rus. Senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) em pronunciamento à CPI da Covid

Edilson Rodrigues/Agência Senado

O senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) disse considerar um "absurdo" a inclus√£o de seu nome na lista de indiciados da CPI da Covid. A a√ß√£o se deu nesta ter√ßa-feira (26), após sugest√£o do senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) ao relator da comiss√£o, Renan Calheiros (MDB-AL).

Ao g1, o pol√≠tico ga√ļcho afirmou que ir√° imprimir 284 pesquisas que alega comprovarem suas ideias, como a defesa da cloroquina e do chamado "tratamento precoce" de pacientes com Covid (j√° cientificamente comprovado como ineficazes contra o coronav√≠rus), e entregar para a CPI. Esses estudos est√£o em um relatório paralelo feito pelo parlamentar.

"Absurdo. Eu tenho direito a falar. Eu n√£o estou só falando, estou comprovando", afirmou.

'Essa mentira mata', diz microbiologista à CPI sobre cloroquina

Estudos mostram que medicamentos como hidroxicloroquina/cloroquina, ivermectina e azitromicina, inclu√≠dos no chamado "kit Covid", n√£o possuem efic√°cia cient√≠fica comprovada contra a Covid. A Organiza√ß√£o Mundial da Sa√ļde (OMS), o Ministério da Sa√ļde e entidades de classe como Associa√ß√£o Médica Brasileira s√£o contr√°rios ao uso desses remédios no atendimento de pacientes com coronav√≠rus.

Vítimas do negacionismo: as mortes causadas pela desinformação na pandemia da Covid-19

Ao ser inclu√≠do na lista, Heinze se torna o 81¬ļ indiciado, ao lado de outras 78 pessoas e duas empresas. Ao justificar o indiciamento do senador, Renan Calheiros afirmou que o colega foi reincidente na apresenta√ß√£o de informa√ß√Ķes falsas.

"Pela maneira como, apesar das advert√™ncias, o senador Heinze reincidiu aqui todos os dias, apresentando estudos falsos, logo negados pela ci√™ncia, e pela maneira como incitou o crime em todos os momentos, eu queria nesta √ļltima sess√£o, dar um presente a vossa excel√™ncia. Vossa excel√™ncia ser√° o 81¬ļ indiciado dessa CPI", disse Renan.

CPI da Covid: os próximos passos e as poss√≠veis puni√ß√Ķes

O senador Alessandro Vieira, eleito por Sergipe, mas natural do RS, observou que as opini√Ķes de Heinze repercutem entre o eleitorado ga√ļcho. Veja v√≠deo abaixo.

Dados apresentados por Heinze à CPI da Covid s√£o falsos, diz Alessandro Vieira

O parlamentar rebateu o coment√°rio, dizendo n√£o estar "espalhando fake news". Ao ser questionado se acredita que a lista de indiciados ser√° aceita pela CPI, Luis Carlos Heinze afirmou que "a decis√£o é deles", em refer√™ncia aos demais senadores integrantes da comiss√£o.

"É um absurdo, mas vou me defender", comentou ao g1.

Luis Carlos Heinze assumiu uma vaga na CPI da Covid após a nomea√ß√£o do titular, Ciro Nogueira (PP-PI), como ministro da Casa Civil do governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Nas sess√Ķes da comiss√£o, o senador do RS demonstrou seu alinhamento com o governo, fazendo a defesa de pautas do Pal√°cio do Planalto no combate à pandemia.

Além da defesa da cloroquina, Heinze sustentou outras posi√ß√Ķes consideradas equivocadas pela ci√™ncia. O senador do PP levantou d√ļvidas, por exemplo, sobre a origem do novo coronav√≠rus e afirmou que a CPI ignorou ind√≠cios de que a prolifera√ß√£o da Covid-19 pudesse estar associada a um suposto "terrorismo biológico".

LEIA TAMBÉM:

Cidade do RS virou tema de debate e homenagem na CPI da Covid

Senador vira meme após usar dois óculos na CPI da Covid

Quem é a atriz pornô citada em brincadeiras sobre a comiss√£o

Fl√°vio Bolsonaro (Republicanos-RJ); senador Luis Carlos Heinze (PP-RS).

Jefferson Rudy/Agência Senado

Quem é Heinze?

Luis Carlos Heinze tem 70 anos e nasceu em Candelária, cidade do Vale do Rio Parto a 180 km de Porto Alegre. Prefeito de São Borja, no Noroeste do RS, entre 1993 e 1996, o político foi deputado federal entre 1999 e 2019.

Um v√≠deo do ent√£o deputado, gravado em 2013, repercutiu nas redes sociais em 2014. Em um discurso para apoiadores, Henize disse que o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) tinha "aninhados quilombolas, √≠ndios, gays, lésbicas, tudo que n√£o presta". Veja v√≠deo abaixo.

Heinze foi eleito senador pelo Rio Grande do Sul em 2018, com 2,3 milh√Ķes de votos (quase 22%).

Antes daquela disputa, o pol√≠tico foi lan√ßado pré-candidato ao governo do Rio Grande do Sul pelo PP. A candidatura foi abandonada após o partido anunciar apoio a Eduardo Leite (PSDB), que acabou eleito. Para 2022, o PP lan√ßou novamente o senador como pré-candidato ao governo do RS.

Fonte: G1

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90
Coronavirus 728x90