InfoJud 728x90

Sanofi e GSK prometem disponibilizar 200 milhões de vacinas contra Covid para países pobres

Por Redação em 28/10/2020 às 07:47:23

Empresas prometeram 'garantir a cada país participante um acesso justo e equitativo às possíveis vacinas'. Iniciativa internacional Covax reúne 167 países para compra e distribuição de futuros imunizantes. Vacina da Sanofi e do GSK contra Covid está na fase 2 de desenvolvimento

Reuters via BBC

Os laboratórios Sanofi e GSK anunciaram nesta quarta-feira (28) que disponibilizarão 200 milhões de doses de vacina ao programa internacional Covax, criado pela OMS com o objetivo de ajudar a garantir um acesso equitativo às futuras vacinas contra a Covid-19.

Em comunicado, os laboratórios francês Sanofi e britânico GSK afirmam ter assinado uma "declaração de intenções" com o Gavi, o administrador jurídico do mecanismo internacional de compras Covax, para "garantir a cada país participante um acesso justo e equitativo às possíveis vacinas contra a Covid-19".

ESPECIAL: Conheça as candidatas a vacina para a Covid-19

Sanofi e GSK anunciam início dos testes em humanos de vacina contra Covid-19

As farmacêuticas destacaram que "têm a intenção de disponibilizar ao programa 200 milhões de doses de uma vacina", com a ressalva de que ela ainda precisa ser aprovada pelas autoridades reguladoras.

Sanofi e GSK desenvolvem em parceria um imunizante que está na segunda fase de desenvolvimento. Os laboratórios iniciaram em setembro um teste clínico com voluntários, preveem obter os primeiros resultados no início de dezembro e acreditam que poderão iniciar a terceira fase de testes antes do fim do ano.

Executivos das duas farmacêuticas disseram em comunicado que têm a vontade e o compromisso de que a vacina contra Covid-19 esteja acessível às populações mais vulneráveis em todo o mundo.

Até o momento, 167 países aderiram ao sistema internacional de aquisição e distribuição de vacinas, conhecido como Covax. São 92 países de baixa e média renda que receberão doses gratuitas e 75 países ricos que precisarão pagar pelo imunizante.

Fonte: G1

Agro Noticia 728x90
Coronavirus 728x90