'Exemplo de entrega e solidariedade', diz Lula sobre médico do ES que morreu em abrigo no RS

Cardiologista Leandro Medice, de 41 anos, tinha ido atuar como voluntário para atender vítimas das chuvas.

Por Redação em 14/05/2024 às 16:12:29

Foto: G1 - Globo.com

Cardiologista Leandro Medice, de 41 anos, tinha ido atuar como voluntário para atender vítimas das chuvas. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva publicou nesta terça-feira (14) em rede social uma nota de solidariedade à família do médico voluntário Leandro Medice.

Leandro, que morava no Espírito Santo e tinha 41 anos, foi encontrado morto em um abrigo de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul. Ele tinha viajado ao estado para atuar como voluntário no socorro aos desabrigados pela maior chuva da história do RS.

"Os meus sentimentos à família do médico voluntário Leandro Medice que nos deixou ontem. O cardiologista, que morava no Espírito Santo, estava em São Leopoldo (RS) ajudando as vítimas da enchente. Leandro morreu de um mal súbito. Ele é um exemplo de entrega e solidariedade, como o que estamos vendo de todas as partes do Brasil para ajudar o povo gaúcho neste momento de dificuldades. Um sentimento que une o nosso país e que tenho certeza que se repetiria caso outra parte do nosso país sofresse uma tragédia desta dimensão. Estendo meu abraço a todos os voluntários e as voluntárias que estão por todo o estado ajudando quem precisa", escreveu.

Fonte: G1

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90