Petrobras perde R$ 37 bilhões em valor de mercado após mudança na presidência

Por Redação em 15/05/2024 às 14:48:27

Foto: Valor Econômico - Globo

Após a mudança na presidência, a Petrobras teve uma queda acentuada na Bolsa de Valores no início do pregão desta quarta-feira (15). A empresa perdeu cerca de R$ 37,2 bilhões em valor de mercado nesta manhã. As ações preferenciais da Petrobras caíram 6,85%, sendo negociadas a R$ 38,07, enquanto as ações ordinárias recuaram 7,20%, a R$ 39,84. Enquanto isso, o índice Ibovespa também apresentava queda de 0,62%, atingindo 127.714 pontos. Analistas do mercado financeiro apontam que a demissão de Jean Paul Prates, que era presidente da estatal, aumenta as incertezas em relação à empresa. Para o lugar dele, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), indiciou Magda Chambriard, ex-diretora da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). A substituição na presidência da estatal ocorre em um momento de sensibilidade nos mercados, com incertezas sobre a trajetória dos juros no país e a postura do Comitê de Política Monetária (Copom) para o próximo ano, após a decisão dividida da semana passada.

O banco Jefferies reduziu a recomendação de compra para neutra e diminuiu o preço-alvo dos ADRs de US$ 21,20 para US$ 17,70, destacando que a troca de CEO representa uma interferência política. O Bradesco BBI também expressou preocupações com a demissão inesperada de Prates, ressaltando as dúvidas que surgem em torno da companhia. Por sua vez, o Goldman Sachs divulgou um relatório indicando que a atual governança da Petrobras limita mudanças significativas em políticas pela nova diretoria, mas enfatizou que a saída do presidente da empresa gera preocupações sobre intervenção política.

Publicada por Felipe Cerqueira

*Reportagem produzida com auxílio de IA

Fonte: JP

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90