Prefeito quer VLT em Cuiabá e conta com governo federal

Por Redação em 22/10/2023 às 08:37:06

Prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) afirmou, nesta sexta-feira (20), que até a próxima semana a equipe da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) dever√° cadastrar o projeto do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) Cuiabano para receber recursos do Novo PAC de Mobilidade do governo federal. Pinheiro garante que a ideia est√° sendo muito "bem-vista" em Brasília.

Gestor municipal afirmou que conversou com o deputado federal Emanuelzinho (MDB) e e foi informado sobre a cobrança para o cadastro do projeto.

"O pessoal respons√°vel por isso, junto ao Ministério, junto à coordenação do PAC, entrou em contato com o deputado Emanuelzinho antes de ontem, falando que não tinha sido cadastrado ainda e que eles estão esperando com muita ansiedade o cadastramento do VLT Cuiabano, pois j√° h√° uma simpatia generalizada da √°rea técnica", disse.
Equipe técnica da Semob j√° desenhou o projeto b√°sico e, na segunda-feira (23), ser√° realizada uma reunião da equipe da prefeitura com o pessoal de Brasília por videoconfer√™ncia, onde serão acertados os detalhes que faltam para realizar o cadastro do projeto no PAC.
Emanuel reiterou sua prefer√™ncia pelo VLT e relembrou que presidiu uma comissão pela recuperação e conclusão das obras do VLT na Assembleia Legislativa, antes de ser eleito prefeito da Capital em 2016. Para ele, os cuiabanos não podem se contentar com pouco e chamou o BRT de "carroça".

"Eu vou trazer carroça de novo para c√°, a troco de qu√™? BRT foi sucesso 50 anos atr√°s em Curitiba, quando Jaime Lerner teve o primeiro mandato dele de prefeito e idealizou os corredores exclusivos de ônibus. Aí agora, 50 anos depois, com mais de R$ 1 bilhão gasto, Cuiab√° perde a oportunidade de ter um meio de transporte moderno, sustent√°vel, que d√° dignidade aos usu√°rios de transporte coletivo, que impacta o desenvolvimento econômico, que valoriza a cidade, que muda completamente o conceito de desenvolvimento urbano? As principais cidades do Brasil e do mundo estão largando o BRT e indo para o VLT", finalizou.

Troca de modal

Idealizado para a Copa do Mundo de 2014, o VLT nunca foi concluído e seus trilhos causavam acidentes em Cuiab√° e V√°rzea Grande. Em 2020, o governador Mauro Mendes (União) decidiu por trocar o VLT pelo BRT, justificando que os ônibus seriam mais vi√°veis. Desde então, Emanuel e Mauro travam batalha inclusive judicial para que o BRT seja instalado, visto que Cuiab√° não concorda. Mauro venceu e o BRT j√° est√° em fase de implantação, com remoção dos trilhos e negociação de venda dos vagões do VLT.

Fonte: Gazeta Digital

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90